Online – Explicações Geografia

Online – Explicações Geografia

Online – Explicações Geografia

Preparação para Exames online

Apoio Escolar online + Kids

Uma realidade diferente exige novas soluções!

 Online – Explicações Geografia
Online – Explicações Geografia

Vivemos uma época muito exigente no que se refere à segurança dos nossos alunos e professores.

A solução online é a mais favorável para salvaguardar a sua saúde e bem estar.

Para o ajudar estamos apostar na criação de conteúdos digitais e sites de apoio para os nossos alunos de forma a salvaguardar o melhor apoio e tornar os conteúdos mais apelativos.

 Online - Explicações Matemática
Preparação Exame Matemática

Promoção Matemática 10h +3h oferta

Centro de Estudos Kids.com – 91 818 70 95

Aulas online, + segurança + conforto + económico

Explicações online – Kids.com

Explicações online - Explicações Kids.com
Explicações online – Kids.com

Explicações personalizadas via skype

Todos os anos lectivos desde o Ensino Básico ao Ensino Superior

Explicações com recursos de apoio, fichas, exercícios resolvidos, resumos da matéria, exclusivos para alunos.

De momento temos já disponíveis:

Explicações Matemática

Explicações online - Explicações Kids.com
Explicações Matemática

Explicações História da Cultura e das Artes

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é image-1024x260.png

Economia

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é image-4-1024x517.png
http://explicacoeseconomia.com.pt/

Geografia

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é image-2.png

Hardware

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é image-5.png

Brevemente:

MACS

História A

TIC

Inglês Crianças

Inglês Adultos

Apoio Escolar Online – Uma solução para uma nova realidade!

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é online.jpg
Apoio Escolar Online – Uma solução para uma nova realidade!

Preparação para os Exames Nacionais 2020 – 91 818 70 95

Aulas online de Matemática
Explicações de Matemática online

Matemática aulas online

Explicações personalizadas desde o Ensino Básico ao Ensino Superior.

Esteja onde estiver com a Kids tem um explicador sempre ao seu lado.

Professores Experientes e com bons resultados

Horários Flexiveis e de acordo com a intensidade desejada

Aulas via Skype – material de apoio online

Site de apoio para os nossos alunos de Matemática – http://explicacoesmatematica.com.pt

Explicações online
aulas online

Fichas e respetivas resoluções ao dispor dos nossos alunos

Qualidade e Exigência: A monitorização do desempenho de cada aluno que frequenta o nosso centro de explicações é feita de forma contínua e regular de modo a assegurar os melhores resultados.

Desde o 1º Ciclo ao Ensino Superior.


O conhecimento e a sabedoria são as armas fundamentais para acautelar-mos o futuro. É isso que nos motiva a aprender, ensinar e acima de tudo partilhar. Porque o conhecimento como as melhores coisas da vida só vale a pena se for partilhado.

Pior que não projectar o futuro é não fazer nada no presente para o alterar..

  • Local de formação: Rua Vieira da Silva, lote 11, loja b, Quinta Nova, 2675-209 Odivelas
  • Contactos: 91 818 70 95 , 21 931 23 97 email: info@kids.com.pt Formação ao Domicílio – Alvalade,Benfica, Carnide, Loures, Lumiar, Moscavide, Odivelas, Olival Basto, Parque das Nações, Olivais, Laranjeiras, Ramada, Colinas do Cruzeiro e Telheiras.
  • Local da nossa sede: Rua Vieira da Silva, lote 11, loja b, Quinta Nova, 2675-209 Odivelas
  • Contactos: 91 818 70 95 , 21 931 23 97 email: info@kids.com.pt

Consulte os nossos preços

Promoção para MACS 10º ano/ 11º ano

Pack 10h +3h oferta por 150€ + IVA (11,54€+IVA/hora).

Contacto: 91 818 70 95, email:
aulasonlinekids.com@gmail.com

visite-nos: http://kids.com.pt15 DE JULHO DE 2020DEIXE UM COMENTÁRIO

A Radiação Solar

A Radiação Solar

A Radiação Solar

A Radiação Solar

O Sol, fonte de vida

A energia solar constitui a verdadeira causa de todos os processos físicos e químicos que ocorrem na Terra, responsáveis pelas condições meteorológicas, pelas circulações oceânicas, pela modelação da crosta terrestre e por todos os fenómenos biológicos.

Todos os componentes do sistema climático, designadamente a atmosfera, a hidrosfera, a litosfera e a biosfera, devem a sua origem e as suas características à radiação solar. Por isso, podemos dizer que a radiação solar é o factor essencial do ambiente.

Adaptado de J. Pinto Peixoto, A Radiação Solar e o Ambiente 1981.

De acordo com o texto acima verificamos que a radiação solar constitui a causa de todos os processos físicos e químicos assim como dos fenómenos meteorológicos e biológicos que ocorrem na superfície terrestre. A quantidade de radiação solar que atinge a superfície da Terra varia de local para local, não sendo constante. Depende da altura do ano, do local, da hora do dia e das condições da atmosfera.

Noções radiação solar

Radiação solar                  Quantidade de energia de intensidade e natureza variáveis, emitida pelo sol, que se propaga sob a forma de ondas eletromagnéticas, e da qual só uma pequena parte é recebida pela superfície terrestre.

nota:     Sem radiação solar, a temperatura média da Terra seria de             -239ºC.

A radiação solar demora cerca de 8min a atingir a Terra.

Constante Solar               Total de energia que atinge o limite superior da atmosfera, numa superfície de 1cm₂, perpendicularmente aos raios solares e durante um minuto. Exprime-se em caloria e tem um valor médio de 2cal/cm₂/min.

Radiação terrestre          Radiação de grande comprimento de onda irradiada pela Terra

Radiação global               Total de radiação do sol que atinge a superfície do globo (radiação directa + radiação difusa)

Espectro solar                   Radiação solar que chega até nós sob a forma de ondas electromagnéticas com diferentes comprimentos de onda.

transferir
recursos_radiacao_solar_espectro_solar

Estrutura e composição da Atmosfera

A atmosfera é a camada de gases que rodeiam a Terra e que a ela se encontram ligados pela força da gravidade. Tendo em conta a variação da temperatura do ar com a altitude, é possível fazer a sua divisão em 4 camadas: Troposfera, estratosfera,mesosfera e termosfera.

Atmosfera terrestre: é a camada gasosa que envolve a Terra, acompanhando-a em todos os seus movimentos devido à força de atracão gravitacional.

Variação do ângulo de incidência da luz solar ao longo do dia.

A radiação solar é variável para o mesmo lugar e de lugar para lugar, ao longo do dia e do ano. Isto deve-se à inclinação dos raios solares, o ângulo de incidência, a duração do dia natural, a duração da insolação e o relevo. Os raios solares atingem a superfície, quer ao longo do dia, quer ao longo do ano, com diferente inclinação – ângulo formado pelos raios solares com a vertical do lugar – o que se vai reflectir na variação da intensidade da radiação solar recebida.

Quanto maior a inclinação, maior é a superfície que recebe a radiação. Desta forma, a quantidade de energia recebida por unidade de superfície é menor. Da inclinação dos raios solares, também resulta numa maior espessura de atmosfera atravessada. Isto acaba por se reflectir numa maior perda de energia. Também a esfericidade da terra contribui para que os raios solares atinjam a superfície da terra com diferentes inclinações, a inclinação aumenta do equador para os pólos, ou seja, com o aumento dos valores de latitude.

Também o relevo interfere na variação da radiação solar absorvida pela terra. Desta as vertentes montanhosas podem estar mais, ou menos expostas à radiação solar. Assim, as vertentes voltadas a sul estão expostas por um maior período de tempo e a inclinação dos raios solares é menor – vertentes soalheiras. Por outro lado, nas vertentes viradas a norte recebem menos, ou nenhuma, radiação solar e a inclinação dos raios solares, se existir, é maior.

O movimento de translação da Terra e a inclinação do seu eixo relativamente ao plano da ecliptica. O solstício de junho é o dia onde existe um período de insolação mais longo, isto deve-se ao facto de neste dia os raios incidirem com menor obliquidade, o que conduz a uma maior quantidade de energia recebida e numa menor espessura de atmosfera atravessada. Por outro lado, o solstício de dezembro é o dia onde existe um período de insolação mais curto. Isto deve-se à maior inclinação dos raios solares, o que conduz uma menor quantidade de energia por unidade de superfície, o facto de o dia ser mais curto em relação à noite, também contribui para a fraca insolação recebia neste dia.

No verão regista-se maiores valores de radiação solar recebida, em relação a no inverno devido à menor inclinação dos raios solares, devido à latitude, e à maior duração dos dias. A radiação solar também varia de norte para sul e do litoral para o interior, isto relaciona-se com a latitude e com a proximidade/afastamento do mar. Desta forma, as regiões localizadas a sul recebem radiação solar com menor inclinação do que as regiões a norte. Nas regiões do interior verifica-se uma maior radiação solar, pois o afastamento do mar, resulta numa diminuição da nebulosidade.

Albedo: razão entre a radiação solar reflectida por uma superfície e a radiação solar total que sobre ela incide. O albedo varia consoante as características da superfície.

Radiação Terrestre

Ao ser absorvida pela Terra, a radiação solar converte-se em energia calorífica, aquecendo a superfície terrestre. Esta, por sua vez, emite a mesma quantidade de energia que recebe – radiação terrestre, encontrando-se, por isso, em equilíbrio térmico.

Radiação terrestre: radiação emitida pela superfície terrestre. Processa-se em grande comprimento de onda (radiação infravermelha).

A radiação Solar

Acção da atmosfera

Variação em Latitude

Definições

Variação anual da radiação solar global

Variação da temperatura em Portugal

Fatores que influenciam a variação da temperatura em Portugal

Valorização da radiação solar

A energia solar

Dificuldades no aproveitamento da energia solar

Questões de exame

Insolação versos radiação solar28 DE JUNHO DE 2020DEIXE UM COMENTÁRIO

Aulas de Geografia online

Aulas de Geografia online

preparaçao para os exames
Explicações online – Kids.com

Explicações personalizadas via skype

Todos os anos lectivos desde o Ensino Básico ao Ensino Superior

Explicações com recursos de apoio, fichas, exercícios resolvidos, resumos da matéria, exclusivos para alunos.

Professores experientes e credenciados, com bons resultados

Reserve já a sua inscrição: 91 818 70 95, 21 931 23 97

www.aulasonline.pt18 DE JUNHO DE 2019DEIXE UM COMENTÁRIO

Aulas online de Geografia

Explicações de Geografia online – 91 818 70 95

Aulas de Preparação para o Exame de Geografia – online – via Skype

preparaçao para os exames

Explicações online – Preparação para os Exames Nacionais
Aulas intensivas / Revisão das matérias / Resolução de Exames / Material de apoio online Contacto: 91 818 7 095
www.aulasonline.pt17 DE JUNHO DE 2019AULAS ONLINE GEOGRAFIAEXPLICAÇÕES GEOGRAFIAGEOGRAFIA AULAS ONLINEDEIXE UM COMENTÁRIO

Preparação Exame Geografia Odivelas

Preparação Exame Geografia Odivelas

Explicações Geografia Odivelas
Explicações Preparação Exame Geografia

Explicações Preparação Exames Nacionais 2019

Aulas personalizadas ou em pequenos grupos

Aulas em grupo Geografia (Odivelas): Sábado das 14:30 -16:00 e Terça-feira das 20:00 -21:30.

Pack de 6h = 60€ + IVA

Pack de 12h = 120€ + IVA

Preparação para os Exames Nacionais

Exames 3º Ciclo

Matemática e Português

Secundário

11º ano

Biologia/ Geologia

Físico-Química

Economia

Filosofia

Inglês

Francês

Espanhol

Geografia

Geometria Descritiva

MACS

12º ano

Português

Matemática

História

Estamos em Odivelas, Rua Vieira da Silva, lote 11, loja B, Quinta Nova, 2675-209 Odivelas

Reserve já a sua inscrição, vagas limitadas

Contato: 91 818 70 95, 21 931 23 97 email: info@kids.com.pt

visite-nos em: www.kids.com.pt

Preparação para Maiores 23 anos e Apoio ao Ensino Superior

Também temos aulas ao domicílio

visite-nos: www.aulasaodomicilio.com17 DE JUNHO DE 2019EXPLICAÇÕES GEOGRAFIA 10º ANOEXPLICAÇÕES GEOGRAFIA ODIVELASEXPLICAÇOES GEOGRAFIA 11º ANODEIXE UM COMENTÁRIO

Classificação da pesca de acordo com a área onde é praticada

Classificação da Pesca de acordo com a área onde é praticada

fishermen-2983615_960_720

Pesca Local: Pratica-se em rios, estuários, lagunas ou na costa, até 6 ou 10 milhas da costa, consoante a embarcação utilizada tiver convés aberto ou convés fechado, respectivamente. São sempre embarcações de pequena dimensão até 9 metro de comprimento.

Pesca costeira: é praticada para além das 6 milhas da costa em embarcações de dimensões superiores a 9 metros de comprimento e com autonomia que pode ir até duas ou três semanas. Estas embarcações podem operar em águas de ZEE internacionais.

Pesca de largo: Este tipo de pesca realiza-se para além das 12 milhas de costa, em pesqueiros externos de águas internacionais ou em ZEE de outros países. As embarcações deste tipo de pesca têm uma tonelagem superior a 100 TAB e, além de oferecerem condições de habitabilidade à sua tripulação por períodos que podem chegar a vários meses. Muitas vezes estes navios têm equipamentos de transformação e armazenamento do pescado.

Pesca artesanal: Este tipo de pesca utiliza técnicas e meios tradicionais. Neste caso os períodos de permanência no mar são curtos, geralmente inferiores a um dia. Estas pequenas embarcações não estão equipadas com meios de conservação de pescado.

Pesca industrial: Neste caso as técnicas utilizadas são modernas. Estamos perante embarcações, de grande dimensão, estão equipadas com modernos meios de transformação e conservação, o que faz delas autênticas fábricas flutuantes. Este tipo de pesca é em muitos casos uma pesca longínqua, podendo a deslocação ser superior a várias semanas.17 DE JUNHO DE 2019DEIXE UM COMENTÁRIO

Definição de Isoietas

Definição de Isoietas

Isoietas: são linhas curvas que representam pontos com igual pluviosidade (precipitação). São utilizadas em representações cartográficas meteorológicas.17 DE JUNHO DE 2019DEIXE UM COMENTÁRIO

Lista de países que fazem parte da zona Euro

Lista de países que fazem parte da zona Euro
Alemanha
Áustria
Bélgica
Chipre
Eslováquia
Eslovénia
Espanha
Estónia
Finlândia
França
Grécia
Irlanda
Itália
Letónia
Lituânia
Luxemburgo
Malta
Países Baixos
Portugal17 DE JUNHO DE 2019LISTA DE PAÍSES QUE FAZEM PARTE DA ZONA EUROPAÍSES ZONA EURODEIXE UM COMENTÁRIO

O nível de instrução e qualificação profissional

Importância do associativismo

nível de instrução

Considera-se nível de instrução a situação do indivíduo face ao sistema formal de ensino, isto é, do nº de anos de escolaridade que concluiu e ou o respectivo grau académico que possui.

Nível de qualificação profissional: está associado ao conjunto de saberes e de competências que o trabalhador deve utilizar no desempenho de determinadas tarefas que fazem parte do perfil da profissão que exerce.

Qualificação profissional: conjunto de competências que o trabalhador deve utilizar no desempenho de determinadas tarefas que permitem exercer um conjunto de actividades profissionais.

Taxa de alfabetização: percentagem da população, com 15 ou mais anos, que pode, com compreensão, ler e escrever um pequeno texto sobre o seu quotidiano.

Taxa de analfabetismo: percentagem da população que não sabe ler nem escrever.

Taxa de escolarização: estabelece a relação percentual entre o nº de alunos matriculados num determinado ciclo de estudos, em idade normal de frequência desse ciclo, e a população residente dos mesmos níveis etários.13 DE JUNHO DE 2019NÍVEL DE INSTRUÇÃO E QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL DA POPULAÇÃO PORTUGUESADEIXE UM COMENTÁRIO

Ciclo da água

As disponibilidades hídricas

As disponibilidade hídricas

Ciclo da água

As disponibilidades Hídricas 

A quantidade de água disponível numa certa região está relacionada com características do clima, em particular do nível de precipitação quer em termos de valores totais registados quer na sua distribuição ao longo do ano.

De toda a água precipitada uma parta é devolvida para a atmosfera através do processo da evapotranspiração e a restante dá lugar ao escoamento superficial atingindo diretamente os cursos de água ou infiltrando-se, vai alimentar os lençóis de água subterrâneos, originando o escoamento subterrâneo.

A infiltração, o escoamento superficial e a evapotranspiração dependem de vários fatores:

Total de precipitação;

características físicas dos solos: existe uma relação direta entre a permeabilidade das rochas e a maior infiltração.

Temperatura: a evapotranspiração será tanto maior quanto maior forem os valores de temperatura registados.

relevo: as formas de relevo acidentado favorecem o escoamento superficial, pelo contrário o relevo aplanado favorece a infiltração.

vegetação: uma cobertura vegetal densa ajuda à infiltração da água;

ação humana: o Homem, é atualmente, o agente que mais interfere e condiciona os aspetos relacionados com o ciclo da água, ao interferir nas características da cobertura vegetal e na impermeabilização dos solos, através da expansão urbanística.

As águas superficiais

As águas superficiais englobam os rios, as ribeiras, os lagos e lagoas naturais e os lagos artificiais ou albufeiras.

Os rios organizam-se através de redes hidrográficas que são conjuntos formados por um rio principal e os seus respetivos afluentes, constituindo no seu todo uma fonte importante de água disponível. A rede hidrográfica portuguesa apresenta-se bastante densa, marcada por alguns contrastes entre o norte e o sul.

Ver também: